É possível conduzir microcarros sem carta de condução?

Os microcarros, ou papa-reformas, são opções de mobilidade para situações pontuais e para trajetos de curta distância. São diferentes dos veículos ligeiros mais comuns, sendo uma falácia dizer que é possível conduzir este tipo de carros sem carta de condução.

Neste artigo, vamos dar-lhe a conhecer um pouco mais sobre os microcarros, falar sobre a evolução tecnológica dos últimos anos e o que é necessário para os conduzir.

O que são microcarros?

O próprio nome já é sugestivo e diz muito acerca deste tipo de veículos. Os microcarros são uma espécie de pequenos veículos, muito práticos nos grandes centros urbanos. Têm a particularidade de poderem ser conduzidos por condutores a partir dos 16 anos de idade, desde que tenham habilitações legais para tal.

Também denominados de “papa-reformas”, estão descritos no Código da Estrada como quadriciclos, que podem ser de dois tipos:

  • Quadriciclos ligeiros: a sua velocidade máxima é de 45km/h, o seu peso (sem carga) não excede os 425 kg e o seu motor tem uma cilindrada não superior a 50 cm3 no caso de motor de ignição, ou de 500 cm3 no caso de motor de ignição por compressão;
  • Quadriciclos pesados: com as mesmas características dos quadriciclos ligeiros, exceto o seu peso (sem carga) que não deve exceder os 425 kg para transporte de passageiros, ou 600 kg para transporte de mercadorias.

É legal conduzir microcarros sem carta de condução?

Os microcarros ou papa-reformas não podem ser conduzidos sem carta de condução.

Apesar de terem limitações de velocidade e regras diferentes para circularem na estrada, é sempre obrigatório ter habilitações legais para conduzi-los, ou seja, ter carta de condução.

A possibilidade de conduzir sem carta de condução é, normalmente, o argumento comercial usado por concessionários ou marcas e serve, acima de tudo, para propósitos de marketing.

Que carta de condução é necessário para conduzir um papa-reformas?

Para conduzir um papa-reformas não é obrigatório ter carta de condução B, ou seja, o tipo de carta de condução que permite conduzir um carro ligeiro de passageiros comum. No entanto, é necessário que o condutor cumpra os seguintes requisitos:

  • Ter, pelo menos, 16 anos de idade;
  • Possuir carta de condução AM (para conduzirem quadriciclos ligeiros) ou carta de condução B1 (para conduzirem quadriciclos pesados). Se já tem a carta de condução B, não tem nada com o que se preocupar.

Ler mais: “Carta de condução B: o que pode conduzir?

Microcarros: um tipo de veículo em constante evolução

Desengane-se se pensa que os microcarros continuam a ser uma caixinha com rodas prática, mas muito desconfortável. Este tipo de veículos tem sido alvo de constantes inovações e desenvolvimentos tecnológicos e, atualmente, existem modelos no mercado automóvel que, além da componente estética e utilitária, incorporam também soluções e sistemas de segurança avançados.

Pequenos em tamanho, mas grandes em ambição, os papa-reformas já oferecem sistemas de ar condicionado, travões de discos nas quatro rodas, airbag para o condutor, ecrãs táteis e melhores sistemas de segurança passiva.

A sua componente estética também tem vindo a sofrer evoluções notáveis, uma vez que este segmento de veículos destina-se maioritariamente a uma camada mais jovem. Por isso, as marcas esforçam-se por os tornarem tão atrativos quanto possível.

As carroçarias são agora mais cuidadas e incorporam elementos estéticos mais atraentes como, por exemplo, jantes especiais, grelhas desportivas e uma palete de cores irreverente. No interior, também já podemos encontrar microcarros que contam com volantes desportivos, bancos de tecido com melhor qualidade e bagageiras rebatíveis que permitem maximizar o espaço de arrumação.